There are no ads, please add some

Segunda Fase da Variante à cidade da Horta “é uma eterna promessa eleitoral socialista”

O PSD/Açores considerou hoje que a construção da segunda fase da Variante à cidade da Horta “é uma eterna promessa eleitoral socialista que, à semelhança da fase anterior, se arrasta pelos anos sem ser cumprida. E que está prevista na Carta Regional das Obras Públicas 2013-2016 para o primeiro semestre deste ano”, disse o deputado Luís Garcia.

 O social democrata recorda que a construção daquela via é uma velha promessa com quase 19 anos, “que já o programa eleitoral do PS em 1996 prometia. Mas só em 2001 é que o Governo Regional lançou a concurso a 1ª fase, realizada entre 2006 e 2007. E que ainda não está concluída, pois falta-lhe a iluminação”, refere.

 “Permitindo criar uma alternativa estratégica e segura na ligação da Horta ao Aeroporto, a Variante ligava assim o norte e o sul da ilha do Faial sem se passar pelo centro da cidade, mas isto se estivesse completa, o que nunca aconteceu, pois a segunda fase da obra continua a tardar”, diz Luís Garcia.

 Explicando que “o que está por fazer desde então significa tão só uma estrada com 1,6 quilómetros”, Luís Garcia lembra que, “na sequência de uma petição – fevereiro 2007 -, que agregou mais de 2600 subscritores exigindo a construção da 2ª fase da variante, o Governo Regional garantiu que a mesma estaria pronta na legislatura 2008-2012”.

 

“Já em novembro de 2009, o Secretário Regional da tutela afirmou no Parlamento que a Variante estaria em condições de avançar em 2010. Mas, com a mesma desfaçatez, disse em  Maio de 2010 que a obra seria para a legislatura 2012-2016″, adianta o deputado.

 “A obra teve verbas inscritas para a sua execução entre 2009 e 2013, ano em que foi contemplada com o valor ridículo de 16 mil euros para a conclusão do projeto e aquisição de terrenos. Nos planos de 2014 e de 2015 não há qualquer referência à construção da Variante”, acrescenta Luís Garcia.

 Em requerimento enviado à Assembleia Legislativa, o deputado do PSD/Açores quer explicações da tutela e saber “se será cumprido o calendário previsto na Carta Regional das Obras Públicas para a construção da 2ª fase da Variante à cidade da Horta”

 “Isto considerando que, recentemente, o Governo Regional lançou várias empreitadas de intervenções na rede viária regional, de onde não consta essa obra. Nesse caso, queremos saber qual é o calendário alternativo previsto, se o

projeto já está concluído, quem o fez e qual o seu valor”, avança o social democrata.

 “O Governo Regional deve explicar também que encargos foram já assumidos em aquisições de terrenos, e se ainda há parcelas em falta para que a obra avance. É tempo demais a esperar por esta promessa socialista”, concluiu Luís Garcia.

Texto/Foto:GI-PSD/A | Rádio Faial

About The Author

Related posts