There are no ads, please add some

PSD/Açores suscita debate de urgência sobre a “grave situação financeira” da SATA

O PSD/Açores vai suscitar um debate de urgência na Assembleia Legislativa Regional, a realizar na sessão plenária da próxima semana, sobre a “grave situação financeira” da companhia aérea SATA, anunciou hoje o partido.

Num comunicado enviado às redações, os sociais-democratas adiantam que pretendem também definir, nessa iniciativa parlamentar, a “responsabilidade política” que o presidente do Governo Regional, Vasco Cordeiro, terá nas contas da transportadora regional.

“Há uma relação direta entre o percurso político de Vasco Cordeiro, enquanto governante com responsabilidades sobre a SATA, e o agravamento da situação financeira da companhia aérea açoriana”, conclui a bancada do PSD, recordando que o chefe do executivo já foi secretário regional da Economia e que “conduziu a SATA a um beco sem saída”.

O PSD/Açores lembra ainda que a companhia aérea perdeu “mais de 160 milhões de euros numa década” e justifica o debate parlamentar com a necessidade de se tentar “salvaguardar uma empresa que é da maior importância para a economia regional, como é a SATA”.

“Há 10 anos, o Grupo SATA tinha uma situação estável, com capitais próprios positivos de 30 milhões de euros”, recordam os deputados sociais-democratas, lamentando que no final de 2017 a companhia tenha registado “capitais próprio negativos de 133 milhões de euros”.

Para o PSD/Açores, trata-se de uma “década negra” da história da SATA, que “tem um primeiro responsável: Vasco Cordeiro”, que acusam de “destruir uma empresa que ajudou a criar a identidade dos Açores enquanto Região”.

Lusa/Rádio Faial | Foto: Direitos Reservados

About The Author

Related posts