There are no ads, please add some

“Plano para 2015 prevê 730 milhões de euros de investimento público nos Açores”, salientou Vasco Cordeiro

“O Plano de Investimentos da Região para 2015 representa um aumento de cerca de 13% em relação a 2013; são mais de 730 milhões de euros que, do ponto de vista de medidas de investimento público, ajudam a uma melhor qualificação dos Açorianos, a uma melhor capacitação das nossas empresas”, frisou Vasco Cordeiro.

O Presidente do PS/Açores falava esta sexta-feira, à margem de uma sessão pública de esclarecimentos promovida pelo PS/Terceira, na qual destacou a importância de “trocar impressões, auscultar e partilhar com todos os interessados as principais orientações estratégicas para 2015” e “a forma como este documento se integra nos compromissos eleitorais assumidos pelo PS”.

Vasco Cordeiro considerou que o Plano de Investimentos para 2015 aponta no caminho de “continuarmos esse trajeto de criar as condições para que aconteça uma retoma económica, com as consequências que isso tem ao nível da criação de riqueza e da criação de emprego”.

“O desemprego tem vindo a baixar nos Açores e este Plano para 2015, para além de todas as medidas dirigidas à qualificação dos Açorianos para que tenham cada vez mais condições para obtenção de trabalho, atribui uma atenção muito forte ao investimento público e isso tem uma importância fundamental para a dinamização da economia Açoriana”, salientou o líder dos socialistas açorianos.

Vasco Cordeiro lembrou que “tem sido desenvolvido um intenso trabalho de concertação e diálogo a nível institucional acerca do Plano para 2015 a diversos níveis, quer pelo PS, quer pelo Grupo Parlamentar do PS”.

Referindo-se especificamente ao investimento previsto para a ilha Terceira em 2015, o Presidente do PS/Açores destacou as obras previstas, exemplificando com “o Parque Tecnológico da Ilha Terceira, o Parque de Exposições da Ilha Terceira e um conjunto de investimentos na área social feitos em parceira com as Instituições Públicas de Solidariedade Social.

“Tudo isto visa criar as condições na Terceira, mas também em todas as ilhas, para que todas as ilhas possam em 2015 ter um sinal de esperança e de confiança, vendo que o Governo dos Açores está presente e responde aos desafios com que cada ilha está confrontada”, concluiu Vasco Cordeiro.

Questionado sobre as recentes declarações do líder do PSD/Açores, Duarte Freitas, que esta semana disse que os motivos de “esperança” da Região para 2015 se devem apenas ao Governo da República, Vasco Cordeiro acusou o líder da oposição de ter “a memória muito curta”.

“Talvez o líder do PSD tenha a memória muito curta, mas acho que o povo, as Açorianas e os Açorianos, não têm a memória assim tão curta e sabem perfeitamente que também muita desta situação que nós atravessamos aqui nos Açores é fruto desse Governo da República de quem o líder do PSD é tão amigo e tão aliado”, salientou.

Texto | Foto: GI-PS/A | Rádio Faial

About The Author

Related posts