There are no ads, please add some

“O setor da carne está pujante e em crescimento nos Açores”, realça José San-Bento

“A grande conclusão que se retira deste debate é que o setor da carne está pujante e em crescimento nos Açores. De 2015 para 2016 nós crescemos 19,5% esta é que é a grande conclusão”, afirma José San-Bento. O deputado do Grupo Parlamentar do Partido Socialista falava na sessão Plenária desta quarta-feira em que foi debatida a interpelação do PCP sobre o setor da carne.

Face à reivindicação de mais apoios para a exportação de gado vivo – um apoio que foi pontualmente atribuído quando o setor precisava de benefícios para ultrapassar uma conjuntura muito difícil -, José San-Bento recordou qual a estratégia defendida pelo PS: “Há muito tempo defendemos que em vez de exportarmos animais vivos, a prioridade deveria ser o abate desses animais na Região, para termos um salto na cadeia de valor e deixando, assim, mais riqueza nos Açores”.

No entanto, como fez questão de afirmar o deputado socialista, “isso não significa que se deixe de exportar gado vivo, mas apenas que essa prática deve ser a exceção a uma prioridade de valorização do setor da carne, que crie mais riqueza para os nossos agricultores e para os Açores, proporcionada pelo abate do gado nas ilhas da Região”. O Grupo Parlamentar do PS Açores também reconhece que há respostas que ainda são necessárias para o setor, “Há alguns problemas em algumas ilhas, que têm de ser corrigidos e que eu confio que serão corrigidos (…) Quem resolveu o grande problema não deixará de resolver o pequeno problema”.

Também o deputado António Parreira destacou os desafios enfrentados pelo setor nos últimos anos, realçando os bons resultados que foram alcançados. “O setor da carne nos Açores, na ultima década e meia, sofreu uma evolução sem paralelo”, como por exemplo, com “a melhoria da genética do efetivo produtor”, com a “obtenção de animais com vocação para a carne”, entre outros. Merece, também, destaque os progressos a nível da sanidade animal que permitem afirmar: “Hoje na Região Autónoma dos Açores temos uma sanidade animal de excelência”.

Vários foram os deputados do Grupo Parlamentar do PS Açores que, durante o debate, realçaram o empenho dos diversos intervenientes que contribuíram para o crescimento dos números: “Só foram possíveis com o esforço de todos, do Governo Regional dos Açores, dos representantes dos produtores e dos próprios produtores. Só assim é possível termos o setor que temos hoje”.

Texto/Foto: GP PS/Açores

About The Author

Related posts