There are no ads, please add some

Embarcação de São Miguel apanhada a pescar ilegalmente no Faial

Uma embarcação de pesca da ilha de São Miguel, Açores, foi apanhada a pescar ilegalmente no Banco Condor, ao largo da ilha do Faial, pela Inspeção Regional das Pescas, que apreendeu 600 quilos de pescado.

De acordo com uma nota informativa divulgada pelo Gabinete de Apoio à Comunicação Social (GACS) do Governo Regional, o pescado capturado de forma ilícita foi, entretanto, leiloado em lota, rendendo cerca de 6.700 euros, que ficarão à guarda da Região até decisão do processo instaurado ao armador.

A operação de apreensão do pescado contou também com a colaboração da Polícia Marítima e com o apoio do navio patrulha “Tejo”, da Marinha Portuguesa, através do Sistema Integrado de Vigilância, Fiscalização e Controlo das Atividades da Pesca (SIFICAP), que visa garantir a exploração sustentável dos recursos pesqueiros e das comunidades piscatórias açorianas.

Segundo fonte da Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia, serão também aplicadas coimas ao armador da embarcação de pesca que se encontrava a operar ilegalmente no Banco Condor, situado a 17 quilómetros a oeste/sudoeste da ilha do Faial, e que se encontra encerrado à atividade da pesca de fundo desde 2010.

“Ao longo dos últimos anos, este banco submarino tem sido utilizado como área experimental para usos científicos com o objetivo, entre outros, de estudar o efeito da proibição da pesca na dinâmica de recuperação das populações de peixes, bem como os efeitos da proteção sobre o ecossistema em geral”, refere a nota do GACS.

Além dos 600 quilos de pescado apreendidos no âmbito deste processo, a Inspeção Regional das Pescas apreendeu também, durante o mês de junho, 500 quilos de goraz a embarcações que excederam os valores de quota permitidos para a pesca desta espécie.

Lusa/Rádio Faial | Foto: GNR

About The Author

Related posts