There are no ads, please add some

BOTES BALEEIROS DO PICO E FAIAL SÃO OS NOVOS CAMPEÕES REGIONAIS

Ao fim de 1 dia e meio e depois de cumpridas 10 regatas ficaram-se a conhecer os novos campeões regionais de botes baleeiros. Na prova de remo, o Clube Náutico das Lajes do Pico, com o bote ‘Maria Armanda’ voltou a conquistar o titulo de campeão regional em masculinos e em femininos, a vitória sorriu às remadoras do bote ‘S. Pedro’, do Clube Naval Aliança Calhetense, também da ilha do Pico. Em vela, a nova equipa campeã regional pertence à ilha do Faial, à Junta de Freguesia do Salão que esteve a bordo do bote ‘Senhora do Socorro’. 

Decorreu este fim de semana o II Campeonato Regional de Botes Baleeiros, na ilha de Santa Maria, nos Açores.

Mais de uma centena de participantes, oriundos de todas as ilhas com excepção do corvo disputaram 10 regatas em vela e remo.

Com excelentes condições climatéricas foi possivel cumprir o programa do campeonato em apenas 1 dia e meio, quando o figurino original prevê 3 dias.

Em remo, e com a vitória nas 3 regatas realizadas, o dominio pertenceu ao bote ‘Maria Armanda’, das Lajes do Pico, que já no ano passado se tinha sagrado campeão regional. Para o oficial do bote, Filipe Fernandes, o campeonato não poderia ter corrido melhor  e vem confirmar o protagonismo do ‘Maria Armanda’: «O último cachalote foi apanhado por esta embarcação e o próprio bote é um palco em relação ao qual, culturalmente, temos um respeito muito especial. Felizmente na ilha do Pico a cultura baleeira, o hábito do remo e da vela estão bem vivos e acaba por passar para todos nós».

Pela primeira vez realizaram-se provas de remo feminino e também aqui o Pico esteve em destaque. A vitória sorriu às remadoras do bote ‘S. Pedro’, do Clube Naval Aliança Calhetense, que se sagraram as novas campeãs regionais.

Em vela, o bote ‘Senhora do Socorro’ da Junta de Freguesia do Salão esteve sempre entre os primeiros lugares nas 4 regatas realizadas e no final conseguiram arrecadar o titulo regional. «Estamos muito satisfeitos com a vitória já que o ano passado escapou-nos e tivemos que nos contentar com o 2º lugar. Ainda por cima, a concorrência este ano foi mais forte», afirmou Pedro Garcia, oficial do ‘Senhora do Socorro’.

Esta é uma prova única no país. Envolve em doses iguais, História e desporto, competição e memória colectiva, orgulho de um povo e vontade de manter vivo o património que é de todos.

Há 2 décadas o Governo Regional dos Açores iniciou a recuperação deste património e investiu mais de 2 milhões de euros para pôr a navegar 42 botes e 11 lanchas de reboque.

O II Campeonato Regional de Botes Baleeiros, homologado pela Comissão Consultiva do Património Baleeiro, foi promovido pela Direção Regional da Cultura e contou com a organização do Clube Naval de Santa Maria, em parceria com a Câmara Municipal de Vila do Porto.

Mar de Histórias/Rádio Faial | Foto: Mar de Histórias

About The Author

Related posts