There are no ads, please add some

“A competência da gestão de tratamentos de resíduos sólidos urbanos é das autarquias” afirmou André Bradford

Tratamento de resíduos nos Açores foi consensual no plano parlamentar, agora é uma questão técnica.

Os deputados do Grupo Parlamentar do Partido Socialista na Assembleia Legislativa dos Açores consideraram útil e esclarecedor o encontro pedido pela MUSAMI, para apresentar informações sobre o Eco Parque de São Miguel, que se realizou esta sexta-feira ao final do dia. “A competência da gestão de tratamentos de resíduos sólidos urbanos é das autarquias. E, portanto, é uma questão que neste momento se coloca no plano autárquico e não no plano parlamentar”, afirmou André Bradford, à saída do encontro.

Como recordou o Presidente do Grupo Parlamentar do PS/Açores a questão já foi analisada no plano politico e parlamentar, quando, no âmbito do debate sobre o Plano Estratégico de Prevenção e Gestão de Resíduos da Região Autónoma dos Açores (PEPGRA), “foi necessário estabelecer um conjunto de linhas gerais para o tratamento de resíduos na Região e, quando isso aconteceu, ela foi praticamente unânime. Foi a partir daí que as autarquias de São Miguel, no caso concreto, decidiram por unanimidade avançar para este tipo de solução”.

“Quando a questão foi politica e parlamentar gerou-se um consenso, agora nesta fase técnica parece que há alguns partidos que mudaram de opinião”, acrescentou André Bradford, líder dos deputados socialistas na Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.

Texto/Foto:  GP  PS/Açores | RP

About The Author

Related posts